Edição anterior (1429):
terça-feira, 09 de outubro de 2018
Ed. 1429:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1429): terça-feira, 09 de outubro de 2018

Ed.1429:

Compartilhe:

Voltar:


  Cidade

300 famílias já contempladas com o Programa Criança Feliz
Em quatro meses, foram realizadas 2,2 mil visitas

A Secretaria de Assistência já registra 300 famílias cadastradas no Programa Criança Feliz, que presta acompanhamento visando estimular o desenvolvimento integral de crianças em situação de risco ou vulnerabilidade social, na primeira infância. Esta é a fase determinante para o desenvolvimento de habilidades de coordenação, memória e capacidade de aprendizado. Na semana passada, as equipes chegaram à marca de 2,2 mil visitas realizadas.

“Temos muito orgulho deste programa, tão importante para o desenvolvimento de crianças em todo o país. Petrópolis foi um dos primeiros a aderir no estado e estamos trabalhando muito para atender a todas as famílias. Temos equipes capacitadas para realizar os trabalhos e reconhecer as necessidades de cada família, oferecendo o apoio necessário para cada caso em um momento fundamental”, disse o prefeito Bernardo Rossi.

O Programa Criança Feliz foi iniciado no município em junho. Com ele, as visitadoras fazem trabalhos que despertam a curiosidade, a coordenação e a memória das crianças, com atividades lúdicas. O programa, conduzido pela Secretaria de Assistência Social, conta com o apoio das secretarias de Educação e Saúde.

“Esta integração é uma característica da nossa gestão. É fundamental que os setores se unam visando o mesmo objetivo: mudar a realidade de quem precisa. Para isso, recebemos o apoio da Educação e Saúde para dar mais este acompanhamento. Nossa ideia é que, com este apoio, consigamos reduzir a evasão escolar”, disse a secretária de Assistência Social, Denise Quintella.

Estão sendo atendidas famílias que tenham crianças de até 3 anos beneficiárias do Bolsa Família e as de até 6 anos que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC). O programa funciona em todas as oito unidades do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do município, com os 23 visitadores prestando atendimento em casa. São atendidas, também, gestantes, que recebem apoio no pré-natal e orientações sobre a melhor maneira de estimular os filhos nos estudos.

“Fiquei sabendo do programa no CRAS Centro, onde sou atendida, e estou muito contente. As meninas vêm me visitar, procuram saber como estou e, em caso de dificuldade, me auxiliam, como para marcação de exames, consulta... Tenho dois filhos e isto está sendo importante para eles também”, contou a dona de casa Rayssa Lopes, de 24 anos. Ela aderiu ao Programa para receber apoio durante a gestação, que chegou ao quinto mês.

 As orientadoras do Criança Feliz passaram por um treinamento organizado pelo Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) na capital e multiplicaram os conhecimentos para os 23 visitadores. Petrópolis foi um dos primeiros municípios a aderir ao Programa. A implantação no município foi graças a uma verba federal de R$ 52,5 mil mensais, liberada pelo Ministério do Desenvolvimento Social.

            “Estamos muito felizes, pois nosso trabalho vem recebendo reconhecimento. Na semana passada, representantes do Programa no estado vieram a Petrópolis e nos parabenizaram pelo serviço que temos prestado Nossas equipes vem realizando o Programa de forma eficaz, conforme a metodologia passada para todos nós”, destacou a assistente social supervisora do Programa Criança Feliz, Catia Vasconcellos.



Edição anterior (1429):
terça-feira, 09 de outubro de 2018
Ed. 1429:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1429): terça-feira, 09 de outubro de 2018

Ed.1429:

Compartilhe:

Voltar:


Casando com Estilo








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior