Edição anterior (1363):
sábado, 04 de agosto de 2018
Ed. 1363:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1363): sábado, 04 de agosto de 2018

Ed.1363:

Compartilhe:

Voltar:


  Educação

Aluno da rede municipal é o número 1 do Estado do Rio na OBMEP 2017

Álan da Silva Câmara recebeu a medalha de ouro pela colocação


 O comprometimento e o amor pela matemática deram lugar à emoção na cerimônia dos medalhistas de ouro da OBMEP – Olimpíada Brasileira de Matemática 2017. Álan da Silva Câmara, aluno da Escola Municipalizada Hercilia Moretti ganhou não só a medalha de ouro, mas, também, a primeira colocação no Estado do Rio de Janeiro. A premiação foi entregue na quinta-feira (02.08) durante a programação do Congresso Internacional de Matemáticos, no Rio Centro.

Ao todo, 44 alunos de escolas do Rio de Janeiro receberam medalhas. Alan concorreu com quase 18 milhões de estudantes de escolas públicas e privadas de todo o Brasil no ano de aplicação da prova, em 2017, sendo que no nível 1, categoria que ele participou, foram mais de 315 mil jovens. Nessa competição ele garantiu o primeiro lugar no Estado. Em 2016, Álan recebeu medalha de bronze.

“Muita emoção, é muito diferente isso tudo, estou muito feliz. É uma sensação incrível, difícil expressar por meio de palavras. Não tenho como descrever a alegria em receber essa medalha”, contou Álan.

Outros três alunos da rede também receberam medalhas de bronze na Olimpíada: Vitoria Maria Trindade Guedes, da EM Professora Maria Campos, Lucas Linhaus do Nascimento, da EM Dr. Rubens de Castro Bomtempo e Matheus Correa de Carvalho, da EM Amélia Antunes Rabello.

A OBMEP 2017 manteve o número de medalhas a alunos de escolas públicas das edições anteriores: 500 medalhas de ouro, 1.500 de prata e 4.506 de bronze – em decorrência de empate – e 38,6 mil menções honrosas. Os alunos de escolas particulares receberam 76 medalhas de ouro, 227 de prata, 682 de bronze e 5,7 mil menções honrosas.

“Os destaques de Petrópolis na Olimpíada Brasileira de Matemática mostram os talentos que temos na nossa rede municipal e o comprometimento dos professores e gestores que estão sempre estimulando os alunos. Parabéns Álan, você é um orgulho para todos nós”, disse a secretária de Educação, Samea Ázara.

Sobre a OBMEP

Destinada a estudantes do 6º ano do Ensino Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio, a OBMEP é realizada pelo IMPA e promovida com recursos do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e do Ministério da Educação (MEC), com o apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM).

A olimpíada integra o calendário de atividades do Biênio da Matemática do Brasil 2017-2018, que tem patrocínio do BNDES e apoio dos ministérios da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações e da Educação. Criada em 2005 pelo IMPA, a OBMEP tem como metas estimular o estudo da Matemática, revelar talentos – incentivando seu ingresso nas áreas científicas e tecnológicas – e promover a inclusão social pela difusão do conhecimento.



Edição anterior (1363):
sábado, 04 de agosto de 2018
Ed. 1363:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1363): sábado, 04 de agosto de 2018

Ed.1363:

Compartilhe:

Voltar:


Casando com Estilo








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior