Edição: quinta-feira, 05/07/2018
Compartilhe:

  Geral

Busca por atendimento na UPA é menor em dias de jogos da seleção na Copa

Média de acolhimento é 40% menor que em dias normais

A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Centro tem registrado menor movimento durante os dias de jogos da Seleção Brasileira na Copa do Mundo de futebol. De acordo com levantamento da direção da unidade, a média de atendimentos nestes dias tem sido de 270 pessoas. Esta média é 40% menor que em dias normais, quando são recebidos cerca de 450 pacientes.

“A UPA é a unidade que recebe maior número de pacientes de urgência e emergência no município. Só nos primeiros quatro meses deste ano, foram quase 79 mil atendimentos. Este número é 15% maior que o mesmo período do ano passado. A unidade atende com equipe completa, para prestar toda a assistência à população”, destaca o secretário de Saúde, Silmar Fortes.

Nos dias dos quatro primeiros jogos da seleção no mundial, a UPA Centro registrou um total de 1.081 atendimentos. Destes, 633 foram atendimentos de clínica médica e 314 de pediatria. Na última segunda-feira (02.07), dia em que o Brasil enfrentou a seleção do México pelas oitavas de final da competição, a unidade recebeu a maior procura entre os dias de jogos. O número de atendimentos chegou a 310. O menor registro foi no dia 17 de junho, com o acolhimento de 200 pacientes.

“Nossa unidade opera normalmente. São quatro médicos clínicos gerais e três pediatras, além de odontologista e assistente social, trabalhando para atender toda a população diariamente. A procura tem sido menor nos dias de jogos da seleção na Copa, mas reforçamos que nossas equipes ficam de prontidão para quem necessitar de atendimento de urgência e emergência”, destaca o diretor administrativo da UPA Centro, Luis Cruzick.

A dona de casa Priscila Molter, de 28 anos, buscou atendimento pediátrico na UPA Centro para a filha, de um mês e meio, no dia 22 de junho. A pequena Dafne apresentou sintomas de bronquiolite, doença típica de época de frio em crianças. Priscila, mesmo apreensiva, disse estar muito satisfeita pelo atendimento recebido.

“Estou muito satisfeita pelo atendimento que estamos tendo. Tenho um filho de oito anos e a Dafne, e sou sempre muito bem atendida, quando preciso. Cheguei na UPA por volta das 13h e fui prontamente acompanhada”, disse Priscila. 



Compartilhe:


Casando com Estilo



Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior