Edição anterior (1219):
terça-feira, 13 de março de 2018
Ed. 1219:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1219): terça-feira, 13 de março de 2018

Ed.1219:

Compartilhe:

Voltar:


  Exposição

Exposição “Fêmeas” será inaugurada na Casa da Educação Visconde de Mauá

Abertura vai ser no dia 14 de março, às 18h


 A Casa da Educação vai sediar, nesse mês de março, a exposição “Fêmea”, com quadros da artista plástica Aline Klem. Serão 16 peças em acrílico sobre tela. A abertura marca a programação 2018 das exposições da Casa da Educação. A abertura oficial será no dia 14 de março, às 18h.

A visitação será gratuita e poderá ser feita de segunda a sexta-feira, das 8 às 20h. “Ver uma exposição que retrata o feminino na Casa da Educação, e é uma forma de homenagear, discutir e valorizar o papel da maioria de nosso corpo de funcionários e dos responsáveis que convivem conosco em nosso espaço, buscando aos seus as melhores oportunidades. Esse mar de cores das obras de Aline nos leva a uma enorme reflexão sobre a figura da mulher na sociedade. Estamos ansiosos pela reação do público”, disse a diretora da Casa da Educação, Catarina Maul.

Aline Klem é carioca, mas tem Petrópolis como a cidade do coração. O acervo pessoal de Aline conta com 100 obras. As inspirações da artista são as mulheres e a condição feminina, representadas muitas vezes de modo fantástico através de pinceladas vibrantes, formas inusitadas e cores vívidas.

As telas são usadas pela artista para expressar suas experiências vividas, como também refletir seu olhar diferenciado sobre a feminilidade. Por retratar algumas de suas experiências pessoais, a exposição também objetiva sensibilizar o público para a questão da depressão, que atinge milhões de mulheres todos os anos.

“Passei por uma forte depressão em 2016 e, depois do pior, quando comecei a melhorar, meu esposo e minha amiga Bárbara me incentivaram a desenhar. Meu esposo providenciou o material e comecei a pintar de maneira despretensiosa. Meus primeiros quadros foram de bichos, depois de homens estilizados. Minha primeira exposição foi no Centro de Cultura sobre o título: "espanto, gente e bicho”, disse Aline.

Ainda segundo Aline, a arte é terapêutica. “Estou muito feliz por poder deixar meus quadros na Casa da Educação, um espaço educativo. A arte é a minha terapia. Faz toda a diferença na minha vida”.



Edição anterior (1219):
terça-feira, 13 de março de 2018
Ed. 1219:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1219): terça-feira, 13 de março de 2018

Ed.1219:

Compartilhe:

Voltar:

Casando com Estilo








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior