Edição: sexta-feira, 06/07/2018
Compartilhe:

  Ambiente

Governo do Estado aumenta fiscalização ambiental

Ação visa combater o desmatamento da Mata Atlântica

 

O projeto Olho no Verde, da Secretaria do Ambiente e do Inea (Instituto Estadual do Ambiente), vai aumentar, a partir deste mês, a área de monitoramento nas unidades de conservação e fragmentos florestais do estado. Serão agora dez mil quilômetros quadrados de área fiscalizada, três mil quilômetros quadrados a mais de extensão para combater o desmatamento  da Mata Atlântica. O objetivo é zerar esse tipo de ocorrência em mata nativa.

O projeto trabalha com uma família de satélites de monitoramento. A Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ/ Coppetec), parceira do projeto, acessa o sistema e envia fotogramas ao Inea. Caso haja diferença com relação às imagens anteriores, a Secretaria do Ambiente e o Inea acionam equipes na região correspondente. Os bons resultados ocorridos nos três anos de funcionamento foram decisivos para que a Câmara de Compensação Ambiental do Estado aprovasse o financiamento para essa ampliação.   

– Com esse sistema, a tendência é identificarmos o desmatamento em seu início. O aumento do perímetro de atuação permitirá uma cobertura de quase toda a área de floresta remanescente do estado. Além do satélite, o projeto conta com drone, como o que atualmente está em um projeto-piloto na Ilha Grande – disse o subsecretário do Ambiente, Rafael Ferreira.

Entre as áreas em que o monitoramento foi ampliado ou instalado, estão as Bacias do Piabanha e dos Dois Rios, na Região Serrana; Restinga de São João da Barra; e áreas verdes dos municípios de Miracema e Varre-Sai.

As imagens de satélite de alta resolução são obtidas semanalmente, o que permite identificar alterações com precisão. Hoje, o Estado do Rio de Janeiro mantém 30% de Mata Atlântica. O Rio de Janeiro é considerado pela Fundação SOS Mata Atlântica uma referência de conservação do bioma.



Compartilhe:

Casando com Estilo



Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior