Edição anterior (1248):
quarta-feira, 11 de abril de 2018
Ed. 1248:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1248): quarta-feira, 11 de abril de 2018

Ed.1248:

Compartilhe:

Voltar:


  Diário Comunidades

Iluminação e manutenção viária continuam sem solução no Duques

Natália Rodrigues natalia.rodrigues@diariodepetropolis.com.br

Sem manutenção viária há meses. É assim que vivem os moradores da Rua Rosalina Virgínia de Freitas Carvalho, no Duques, localizada próximo ao restaurante Pavelka na BR-040. O único caminho de acesso às casas está parcialmente destruído. Por conta das crateras e para evitar que o mato tome conta da área, a própria população que tem feito o serviço.

Há alguns meses a Prefeitura informou que a Secretaria de Obras iria providenciar a manutenção viária na Rua Rosalina Virgínia de Freitas Carvalho. A Comdep também colocaria a rua mencionada na programação de serviços das equipes operacionais para receber capina. O Departamento de Iluminação Pública da Secretaria de Serviços, Segurança e Ordem Pública (SSOP) apresentaria novas ordens de serviço para serem cumpridas no bairro, incluindo a Rua Rosalina Virgínia de Freitas Carvalho. Porém, meses se passaram e até hoje nenhuma melhoria esperada aconteceu na localidade.

A costureira Denise Cristina de Jesus da Silva contou que como a estrada está com muitas crateras, por conta delas, alguns vizinhos já se acidentaram ao passar pelo local. E com as chuvas dos últimos meses pioraram e novas surgiram.

- Sempre foi assim, há muito tempo que ninguém vem aqui para fazer nada. Estamos esquecidos pela Prefeitura – contou.

Além disso, há meses o mato tomou conta de toda a região, e os próprios moradores cansados de esperar que capinam e roçam.

- O mato está quase tomando a servidão. Quando o caminho está capinado, foi feito por algum morador. A capina só é feita quando os moradores realizam, já reclamamos e pedimos, mas nenhum funcionário veio aqui ver a nossa situação – disse.

Denise ainda menciona outro problema que tem causado transtorno, três postes estão com a iluminação intermitente, acendem por alguns minutos e depois disso ficam a noite inteira apagados. A via é em um local íngreme e sem a iluminação adequada expõe a população a sofrer algum acidente.

- Temos que andar com cuidado para não cair, tem umas três lâmpadas que acendem uns minutinhos e depois apagam. Quem chega à noite do trabalho ou da escola tem que andar com a lanterna senão cai por causa dos buracos – contou.

Questionada pelo Diário de Petrópolis, até o fechamento desta matéria, a Prefeitura não havia respondido sobre o assunto.

 

 



Edição anterior (1248):
quarta-feira, 11 de abril de 2018
Ed. 1248:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1248): quarta-feira, 11 de abril de 2018

Ed.1248:

Compartilhe:

Voltar:


Casando com Estilo








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior