Edição anterior (1304):
quarta-feira, 06 de junho de 2018
Ed. 1304:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1304): quarta-feira, 06 de junho de 2018

Ed.1304:

Compartilhe:

Voltar:


  Cidade

Município pressiona entendimento entre Concer e ANTT para execução da ligação Bingen-Quitandinha

 

O prefeito Bernardo Rossi voltou a cobrar à Concer entendimento com a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) para a saída da ligação Bingen-Quitandinha. Em reunião realizada nesta terça-feira (05.) o presidente da Concer, Marco Antônio Ladeira, disse ao prefeito que realizar a obra também é importante para concessionária e que não há objeção em torno do tema. Agora, o município vai se reunir com representantes de ambas as instituições para evitar informações conflituosas e para que a obra seja, enfim, realizada.

“Essa é uma das obras de maior importância para o município e que, ao sair do papel, irá facilitar a vida dos petropolitanos, tirando do Centro cerca de 8 mil veículos que deslocam entre os bairros e que além de tempo e agilidade no percurso, dará mais qualidade de vida aos moradores da nossa cidade. Nosso objetivo principal é buscar o entendimento entre todos os entes envolvidos para que essa ligação ocorra”, destacou o prefeito Bernardo Rossi, que desde o primeiro mês da sua gestão busca em Brasília a realização dessa obra.

Em maio, uma equipe técnica da ANTT realizou uma visita ao município e também se mostrou favorável à ligação, obedecendo aos critérios técnicos de segurança e também garantiu que auxiliaria o município para que realizasse um projeto a ser apresentado à Concer para a realização. Entre as intervenções que deverão contemplar o projeto estão a criação de um pórtico limitando à altura para impedir que veículos altos utilizem o trecho – uma vez que ficou acordado que a rota alternativa será utilizada por veículos de passeio; a colocação de balizadores flexíveis na via; ajuste de concordância nas saídas e entradas das vias; a criação de faixas de aceleração e desaceleração; entre outras alterações.

De acordo com o presidente da Concer, Marco Antônio Ladeira, a concessionária já havia apresentado um projeto que depende da aprovação da ANTT. Durante a reunião, ele informou que agência fez alguns questionamentos que foram respondidos, mas que ainda não houve resposta da agência sobre assunto. “Não vemos razão para que a ligação não saia. Esse movimento da prefeitura para juntar às partes em busca de um entendimento é fundamental que obra realmente saia. A falta dessa ligação não é apenas um problema para Petrópolis, mas também é para a Concer”, destacou.

O diretor-presidente da CPTrans, Jairo Cunha, destaca que a mão dupla que foi realizada inicialmente pela Concer, como alternativa ao trecho que foi interditado após a abertura de uma cratera, em novembro do ano passado, mostra que a ligação é possível de ser realizada, desde que haja boa vontade. “Sabemos que é possível e que, com boa vontade iremos conseguir tirar essa ligação do papel”, destacou.



Edição anterior (1304):
quarta-feira, 06 de junho de 2018
Ed. 1304:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1304): quarta-feira, 06 de junho de 2018

Ed.1304:

Compartilhe:

Voltar:


Casando com Estilo








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior