Edição anterior (1307):
sábado, 09 de junho de 2018
Ed. 1307:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1307): sábado, 09 de junho de 2018

Ed.1307:

Compartilhe:

Voltar:


  Economia

Número de emplacamentos de veículos zero km caiu 4% no mês de maio

Evento que paralisou o Brasil trouxe reflexos também na comercialização de veículos

Philippe Fernandes

Dados do Detran mostram que, no mês de maio, caiu o número de emplacamentos em Petrópolis. Foram 320 primeiros licenciamentos, contra 339 no mês de abril. O mesmo fenômeno foi sentido em todo o Estado: foram 15.858 primeiras licenças, contra 16.620 em abril, uma redução de 4% de um mês para o outro. Os dados sobre as primeiras licenças não são o único parâmetro para analisar  a comercialização de veículos, mas são um indicador importante, uma vez que todos os carros zero quilômetro que saem das lojas passam pelo processo de emplacamento.

Nos cinco primeiros meses deste ano, 1.630 carros foram licenciados pela primeira vez em Petrópolis, o que representa uma média de 326 veículos registrados por mês na cidade. Apesar disso, a Cidade Imperial continua sendo uma das que mais emplacam novos automóveis em todo o Estado: em maio, foi a sexta colocada, ficando atrás apenas da capital (que emplacou 8.064 carros, a metade do total do Estado), Niterói (877), São Gonçalo (498), Nova Iguaçu (492) e Duque de Caxias (468).

O fenômeno se repete quando se analisa os cinco primeiros meses de 2018: foram 77.112 emplacamentos em todo o Estado, sendo 38.959 na capital, 4.231 em Niterói, 2.505 em São Gonçalo, 2.312 em Nova Iguaçu e 2.231 em Duque de Caxias. Petrópolis, com 1.630 novos carros neste ano, ficou à frente de cidades de maior porte, como Campos dos Goytacazes (que emplacou 1.573 veículos) e São João do Meriti - a cidade da Baixada foi a 11ª colocada, registrando apenas 1.046 novos carros no quinto mês do ano.

No total, a frota de Petrópolis é composta por 167.868 veículos, sendo 143.915 automóveis e 13.845 veículos de carga.

A cidade se destaca, ainda, quando a comparação é feita na região serrana: Teresópolis, o segundo município com maior número de primeiras licenças no mês passado, teve pouco mais da metade de Petrópolis: 187. No ano, Fribrugo emplacou 923 veículos; Teresópolis, 874; Três Rios, 144; São José do Vale do Rio Preto, 56; e Areal, 43.

A redução do número de primeiras licenças foi uma realidade em 57 dos 92 municípios do Estado. Apenas 35 tiveram aumento no número de emplacamentos e, mesmo assim, isso aconteceu, majoritariamente, em cidades de menor porte, com poucos veículos. Um exemplo é Areal: em abri l, apenas sete carros haviam sido emplacados na cidade. Em maio, o número quase dobrou: 13 automóveis foram registrados.

 



Edição anterior (1307):
sábado, 09 de junho de 2018
Ed. 1307:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1307): sábado, 09 de junho de 2018

Ed.1307:

Compartilhe:

Voltar:


Casando com Estilo








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior