Edição: segunda-feira, 07/05/2018
Compartilhe:

  Maio Amarelo

Número de vítimas acidentes de trânsito tem redução no quadrimestre

Apesar de os números de acidentes de trânsito terem aumentado em abril, na comparação com o mês anterior, no primeiro quadrimestre do ano houve redução de 30%, na comparação com o mesmo período de 2017. Enquanto no ano passado foram registradas 345 entradas de vítimas na unidade de saúde, em 2018 foram 242 neste período, uma redução de 103 vítimas neste prazo. Os dados mostram, no entanto, que as motocicletas ainda são as maiores vilãs da violência no trânsito: nas últimas duas semanas, três mortes foram registradas em acidentes com motos.

Os dados são divulgados pela CPTrans, e a publicidade da estatística está relacionada a uma sensibilização da população com a campanha do Maio Amarelo, de prevenção a acidentes. Os dados correspondem a acidentes com carros, motocicletas e atropelamentos, e são ainda menores que o número de vítimas registrados em 2016, quando houve 304 registros no período.

Também em um ano, caiu o número de vítimas fatais. Dados do anuário estatístico de acidentes de trânsito do ano 2016 aponta que foram 18 óbitos. Além disso, uma prévia do documento de 2017 aponta que foram 17 mortes em locais sob jurisdição municipal, sendo outras quatro na BR-040 e uma na RJ-117.

A CPTrans buscou também o número de mortes pós-cena, ou seja, as pessoas que sofreram um acidente e não morreram no local do sinistro. Para isso, foram cruzados dados dos Bombeiros, Polícias, SAMU e unidades de saúde da cidade, garantindo que um mesmo nome não fosse registrado duas vezes. Os dados levantados apontam que, nessas condições, foram 20 óbitos registrados, totalizando 43 mortes

“Embora nossa intenção seja zerar o número de vítimas, saber que no mesmo período, em um ano, 103 pessoas deixaram de estar em um acidente de trânsito é motivo para comemorar. São pessoas que sequer têm noção de que suas vidas estão a salvo. Vamos continuar trabalhando, seja no processo de conscientização ou punindo com rigor as irregularidades encontradas no município. Em 2017 ainda vivemos com a falta de planejamento do ano anterior e o trabalho realizado ao longo do ano já demonstra reflexos positivos no número menor de vítimas de trânsito no primeiro quadrimestre de 2018”, destaca o diretor-presidente da CPTrans, Maurinho Branco.

Dados prévios do anuário estatístico de acidentes de 2017 já consolidados pela CPTrans apontam que 18,6% do total de mortes por acidentes de trânsitoocorreram em pontos como BR-040 (5 óbitos), BR-495 (1), RJ-117 (1) e Estrada Silveira da Motta (1). Em Petrópolis, o local com maior número de vítimas fatais é a Estrada União e Indústria, com oito óbitos, sendo quatro em cena e quatro pós-cena. Os dados apontam, ainda, que em 2017 foram registrados 1.776 acidentes, com 1.589 vítimas, sendo 41% desse total, ou seja, 779 motociclistas.

Maio Amarelo quer conscientizar a população

As ações do Movimento Maio Amarelo em 2018 visam conscientizar a população sobre as estatísticas de trânsito na cidade. Na prática, a intenção é mostrar que todos estão sujeitos a ser vítimas, seja motorista, motociclista ou pedestres. A abertura oficial na última quarta-feira (02.05) levou o público presente no Salão Nobre da UCP às lágrimas. Isso porque o depoimento de Márcio da Silva Alcântara, vítima de um acidente de trânsito em 1991, aos 21 anos, destacou a tristeza de quem viu sua vida mudar radicalmente ficar por 15 anos em cima de uma cama e, após esse período, precisar de uma cadeira de rodas para se locomover.

 

Confira a programação do Maio Amarelo em Petrópolis:

04.05 - Bitz Educativa Animada na Praça D. Pedro, a partir das 11h

11.05 - Bitz Educativa Animada na Praça D. Pedro, a partir das 11h

17.05 - Simulação de acidentes com o Corpo de Bombeiros, na Praça D. Pedro, às 10h

18.05 - Cristalização de para-brisas, na Praça D. Pedro de 10 às 17h

18.05 - Blitz Educativa Animada na Praça D. Pedro, a partir das 11h

25.05 - Blitz Educativa Animada na Praça D. Pedro, a partir das 11h

26.05 - Caminhada Maio Amarelo na Praça D. Pedro a partir das 14h

 

 

 

 

 



Compartilhe:

Casando com Estilo



Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior