Fique em dia
sexta-feira, 19/05/2017
Voltar

Operação Secos e Molhados

Procon Estadual recolhe 150 Kg de alimentos e autua três supermercados em Petrópolis

 

Eric Andriolo

 

 

O Procon estadual realizou uma nova etapa da Operação Secos e Molhados em três supermercados de Petrópolis. Em todos eles havia irregularidades e os estabelecimentos foram autuados. Os fiscais descartaram cerca de 150kg de alimentos impróprios para o consumo. A ação ocorreu na tarde de ontem e atingiu os supermercados Celma da Rua Bingen; Rede Economia na Praça da Inconfidência e Armazém do Grão da Rua Paulo Hervê.


No supermercado Celma foram encontrados cerca de 2 kg de carne previamente moída na bandeja, o que é proibido. Na câmara frigorífica havia mais 12,8 kg de produtos frios vencidos, mais uma torta de maracujá. Havia também produtos sem data de validade dentro da câmara. Foram 18,5 kg de frios, carne seca, embutidos e peito de frango. Além disso, o frigorífico tinha goteira, ferrugem na porta e sujeira nos ventiladores.


A prateleira da câmara de laticínios estava totalmente enferrujada, segundo o Procon. Na área de padaria, foram encontrados cinco botijões de gás, apesar de o estabelecimento não possuir autorização do Corpo de Bombeiros para utilização de gás. O forno foi interditado pelos fiscais até que o supermercado apresente a permissão. Também falta certificado de água potável, cartaz do Disque 151 e cartaz informativo do livro de reclamações.


No Rede Economia da Praça da Inconfidência, os fiscais descartaram 9 kg de costela bovina e 3,8 kg de carne moída sem especificação que estavam na câmara frigorífica. Mais 3,8 kg de carne moída foram encontrados na área de vendas. Lá também não havia certificado do Corpo de Bombeiros de potabilidade da água, nem cartaz do Disque 151, cartaz da proibição da venda de bebida alcoólica a menores e o cartaz informativo do Livro de Reclamações. O mercado não tem balança de precisão disponível ao consumidor para conferir o peso dos produtos.

Nota do Arnazém do Grão


Já no Armazém do Grão da Rua Dr. Paulo Hervé, no Capela, foram encontrados 7kg de frios sem especificação de validade na câmara de laticínios. Entre os produtos vencidos havia 31,9 kg de presunto; 40,2 kg de queijo; 24 kg de mortadela e 4,9 kg de peito de peru. A cortina de ar da área de preparo de carne estava enferrujada.

?A rede Armazém do Grão esclarece que os produtos encontrados pelo Procon em uma câmara fria na unidade do Capela estavam congelados e separados em caixas aguardando o descarte. Os produtos se tratavam de pontas de frios, que por não serem comercializados, não possuem nem código de venda. Visto que os produtos em questão deveriam ter sido descartados, intensificamos os treinamentos com todos os funcionários.

Ressaltamos que, entre os pilares de nossa empresa está a qualidade dos nossos produtos e serviços. Desta forma, garantimos que produtos vencidos não são comercializados em nossas lojas. Para garantir a qualidade, realizamos auditorias diárias e apenas os produtos que obedeçam aos critérios pré-estabelecidos são vendidos. Durante a auditoria, nossa equipe de nutricionistas e nossa engenheira de alimentos checam características, armazenamento, rótulo, embalagem e validade em todos as unidades. Desta forma, asseguramos que problemas identificados em nossos estoques não chegam em nenhum de nossos pontos de venda.

Em relação à cortina de ar do açougue, o problema já havia sido identificado no último dia 8. Nossa equipe técnica já estava programada para fazer a substituição, o que já ocorreu na manhã de hoje (19).?

 



Voltar


Casando com Estilo



Topo