Edição anterior (1114):
terça-feira, 28 de novembro de 2017
Ed. 1114:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1114): terça-feira, 28 de novembro de 2017

Ed.1114:

Compartilhe:

Voltar:


  Geral

Pagamento do 13º salário vai injetar R$ 125 milhões na economia de Petrópolis

Recursos do abono para aposentados e pensionistas do INSS começaram a ser depositados na sexta (24)

Philippe Fernandes

 

A segunda parcela do décimo terceiro salário para aposentados e pensionistas do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) deve injetar mais R$ 125 milhões na economia de Petrópolis, beneficiando 66.725 contribuintes. Os valores ainda não foram consolidados, mas esta é a expectativa do INSS na cidade – tendo como base o volume de recursos da primeira parcela, paga no mês de agosto. No total, serão R$ 250 milhões liberados para pessoas com direito a pensão ou aposentadoria.

Em todo o país, a segunda parcela deve injetar R$ 20,4 bilhões na economia, no fim deste mês e em dezembro, beneficiando 29,7 milhões de pessoas. Têm direito ao abono, além dos aposentados e pensionistas, quem recebeu auxílio-acidente, auxílio-reclusão, salário-maternidade ou auxílio-doença (nestes dois casos, o valor será proporcional ao período recebido). O pagamento, no entanto, não é válido para quem recebe os benefícios da Lei Orgânica de Assistência Social (Loas).

É importante destacar, ainda, que o pagamento da segunda parte do abono virá com o desconto do Imposto de Renda.

Pagamento de dívidas é prioridade

Em um momento de crise econômica, a grande prioridade ao receber a parcela do décimo terceiro salário é colocar as contas em dia. A opinião é do economista Gastão Reis. Ouvido pelo Diário de Petrópolis, Gastão deu dicas sobre como usar os recursos.

- O Brasil passou por um processo de endividamento muito forte nos últimos anos. Por isso, acredito que o mais importante agora é que as pessoas que possuam alguma dívida liquidem o passivo – disse Gastão.

O economista ainda destacou a importância de poupar o dinheiro, por conta das incertezas que ainda rondam o país.

- Em 2018, a tendência é o Produto Interno Bruto melhorar, mas se as reformas necessárias não forem feitas, pode ser um voo de galinha, com a economia piorando de novo mais para frente. Por isso, deixar o dinheiro render é uma boa alternativa – acredita.

Para as compras, Gastão faz uma recomendação: o gasto com produtos que permitam o acesso à informação e à educação, que possam ser utilizados por toda a família e, depois, com itens de “profunda gratificação pessoal”.

Recursos podem aquecer as vendas

A injeção de recursos está sendo aguardada por vários setores, especialmente o comércio varejista, que passou o ano sofrendo com os reflexos da crise econômica nacional. Se a falta de dinheiro fez os consumidores “apertarem os cintos”, para o Natal a perspectiva é que haja um incremento, já que a data no Brasil sempre é marcada pelos presentes.

- A expectativa, com a entrada de novos recursos, é sempre boa. Tivemos o pior mês de novembro dos últimos anos, então, esperamos recuperar um pouco disso agora em dezembro. A injeção de dinheiro na economia é boa porque, apesar de muitas pessoas aproveitarem para pagar dívidas, sempre sobra alguma coisa para o comércio. E, como estaremos no período de Natal, as pessoas acabam comprando algo, não deixando passar a data em branco. Esperamos que o movimento melhore – disse o diretor do Sindicato do Comércio Varejista de Petrópolis (Sicomércio) e empresário Jorge Machado.

Calendário

Os recursos começaram a ser pagos na última sexta-feira (24). O calendário de pagamento começou com as pessoas que recebem até um salário mínimo, e segue até o dia 7 de dezembro. A data de pagamento varia conforme o número final do cartão. O calendário pode ser consultado no site http://www.previdencia.gov.br, e os valores podem ser vistos no site http://meu.inss.gov.br ou nos caixas eletrônicos dos bancos, junto com os extratos de pagamento da folha de novembro.

 

Pessoas que recebem até um salário mínimo:

finais 1 e 2: recursos já liberados

final 3: recursos serão liberados hoje

final 4: 29/11

final 5: 30/11

final 6: 1º/12

final 7: 4/12

final 8: 5/12

final 9: 6/12

final 0: 7/12

 

QUADRO 2:

Pessoas que recebem mais de um salário mínimo

final 1 e 6: 1º/12

final 2 e 7: 4/12

final 3 e 8: 5/12

final 4 e 9: 6/12

final 5 e 0: 7/12



Edição anterior (1114):
terça-feira, 28 de novembro de 2017
Ed. 1114:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1114): terça-feira, 28 de novembro de 2017

Ed.1114:

Compartilhe:

Voltar:


Casando com Estilo








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior