Edição anterior (1364):
domingo, 05 de agosto de 2018
Ed. 1364:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1364): domingo, 05 de agosto de 2018

Ed.1364:

Compartilhe:

Voltar:


  Carros

Pelo segundo mês consecutivo, número de emplacamentos cresce

Em julho, foram 415 novos veículos licenciados na cidade; no ano, já são 2,3 mil

Philippe Fernandes

Dados divulgados nesta sexta-feira (3) pelo Detran mostram que o número de emplacamentos em Petrópolis cresceu pelo segundo mês consecutivo e alcançou o melhor índice do ano em julho. Foram 415 primeiras licenças no sétimo mês de 2018. Durante todo o ano, já foram 2.386 novos emplacamentos, número 7% superior ao do mesmo período do ano passado, quando passaram a circular 2.230 automóveis.

A movimentação com relação aos emplacamentos é um índice que ajuda a indicar o mercado de venda de veículos, uma vez que todo carro zero quilômetro passa por esse processo. Em Petrópolis, a média é de 340 novos veículos com a documentação por mês. Em junho, 341 carros foram emplacados; em maio, 320; em abril, 339; em março, 412; em fevereiro, 258; e em janeiro, 301.

Petrópolis se destaca, também, quando a comparação é feita no Estado do Rio, sendo a sexta cidade com a maior incidência de novos emplacamentos. A capital segue sendo a primeira, disparada, com 53.579 novos carros nas ruas desde janeiro. Em seguida, aparece Niterói, com 5.801 primeiros licenciamentos. A terceira colocada é São Gonçalo, com 3.520 novos carros circulando nos primeiros sete meses do ano. Nova Iguaçu teve 3.121 novos veículos e Duque de Caxias, 3.046. Primeira cidade do interior a figurar na lista, Petrópolis aparece na frente de Campos, Cabo Frio, Macaé e Volta Redonda.

No recorte das cidades próximas, Petrópolis corresponde por 35% dos emplacamentos no ano. Nova Friburgo aparece em seguida, com 1.327 novos veículos em sete meses; Teresópolis teve 1.219; Magé, 977; Três Rios, 623; São José do Vale do Rio Preto, 90; e Areal, 64.

Nas 92 cidades do Rio de Janeiro, passaram a circular 107.138 carros novos desde janeiro.

Transferências

Quando o assunto é transferência - indicador que ajuda a medir o mercado de veículos seminovos - os dados do Detran mostram um aquecimento da atividade em Petrópolis, que também é a cidade do interior com o maior número de registros. No acumulado do ano, foram 13.814 veículos que trocaram de mãos. Assim como nos primeiros licenciamentos, em julho a cidade teve o melhor índice do ano: foram 2.328 transferências de automóveis.

Em junho, foram 1.927 transferências; em maio, 2.274; em abril, 2.146; em março, 2.097; em fevereiro, 1.755; e em janeiro, 1.287.

Em todo o Estado, foram 535 mil transferências, sendo que 234 mil foram na cidade do Rio. Em segundo lugar, aparece São Gonçalo, com 24.117; em seguida, Nova Iguaçu, com 20.648; Duque de Caxias foi a quarta colocada, com 20.313 transferências; e Niterói a quinta, com 20.062 nos primeiros sete meses do ano.



Edição anterior (1364):
domingo, 05 de agosto de 2018
Ed. 1364:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1364): domingo, 05 de agosto de 2018

Ed.1364:

Compartilhe:

Voltar:


Casando com Estilo








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior