Edição anterior (1426):
sábado, 06 de outubro de 2018
Ed. 1426:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1426): sábado, 06 de outubro de 2018

Ed.1426:

Compartilhe:

Voltar:


  Cidade

Petrópolis  agora é a Capital Estadual dos Produtos Orgânicos

8118 foi publicada no Diário Oficial do Estado de 25 de setembro de 2018


 Com mais de 100 produtores orgânicos em várias partes da cidade, Petrópolis conquistou o título de "Capital Estadual dos Produtos Orgânicos". A característica principal desse tipo de produção é a ausência agrotóxicos, por isso, os alimentos orgânicos são os mais procurados por aqueles que buscam uma alimentação mais saudável. Com o título, os produtos orgânicos de Petrópolis passarão a ter um selo próprio.

“Esse é mais um título importante conquistado por Petrópolis. Já estamos trabalhando na construção de uma feira especial, só com produtos orgânicos, será o Circuito Imperial Orgânico e Agroecológico que disponibilizará esse tipo de produtos para compra com maior periodicidade na cidade”, afirma o prefeito Bernardo Rossi.

 “A referência na produção de orgânicos auxiliará no aumento das vendas nesse setor e servirá de estímulo para que outros agricultores também passem a produzir dessa forma. O mercado dos orgânicos está em constante crescimento e o poder público estuda outras formas de estímulo para o crescimento da produção. Um dos pontos que está em análise é inclusão de produtos orgânicos no cardápio da merenda escolar”, afirma o secretário de Desenvolvimento Econômico, Marcelo Fiorini.

Sandra Regina Oliveira produz orgânicos há 14 anos no Sitio Tapera, no Brejal. A paixão pelo cultivo é antiga: Sandra cresceu vendo a família se dedicar ao cultivo. “Minha mãe fazia questão de plantar sem o uso de agrotóxico. Eu a ajudei muito na lavoura, depois fui trabalhar em um sítio onde só se plantava produtos orgânicos e minha paixão só aumentou. Decidi, há 14 anos, investir somente nesse tipo de produção e sou muito feliz com que eu faço”.

Couve, brócolis e couve-flor são alguns dos alimentos produzidos totalmente sem agrotóxico no sítio de Sandra. “Vale muito a pena ser fiel ao orgânico. Tenho meus clientes fieis no Horto, em Itaipava e também vendo no Rio de Janeiro aos sábados. A rotina não é fácil, mas, a saúde vem em primeiro lugar e os orgânicos me ajudam nisso também. Agora já penso em aumentar a produção e estamos nos preparando para plantar tomate e morango totalmente orgânicos”, completou.

Para Sandra, o título pode ajudar a melhorar as vendas. “É um reconhecimento e chama a atenção das pessoas para a saúde. Investindo no orgânico, se gasta menos na farmácia”, explicou.



Edição anterior (1426):
sábado, 06 de outubro de 2018
Ed. 1426:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1426): sábado, 06 de outubro de 2018

Ed.1426:

Compartilhe:

Voltar:


Casando com Estilo








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior