sexta-feira, 19/05/2017
Voltar

Petrópolis  terá, pela primeira vez, banco de dados geográficos e georreferenciados

O Conselho Revisor do Plano Diretor (CRPD) apresentou a construção de mapas que vão fazer parte do acervo de georreferenciamento da cidade e também dos projetos de leis complementares do Plano Diretor, como o código de obras e código ambiental. A reunião foi realizada na quarta-feira (17) à noite na Secretaria de Obras.

Roberto Rizzo apresentou o trabalho da equipe da Coordenadoria de Planejamento e Gestão Estratégica, especificamente do Núcleo de Dados Geográficos Georreferenciados (NDGG) que, em três meses, conseguiu produzir 10 mapas que servirão como diagnóstico para a deliberação de politicas públicas municipais e promoção de programas e planos setoriais.

“Esse instrumento será fundamental para aperfeiçoar a aplicação dos recursos públicos, buscando melhoras nos indicadores da gestão municipal. Esse material inclui o mapeamento de escolas, câmeras de monitoramento, postos e unidades de saúde, cabeamento de fibra ótica, entre outros”, indica Roberto Rizzo.

Os conselheiros também tomaram conhecimento que o governo está promovendo o cumprimento, a partir da reestruturação administrativa implementada pela Lei 7.510/17, de uma das exigências do Plano Diretor, mais especificamente do Art.6º, que delibera a criação de um Banco de Dados Georreferenciado, aonde as informações, iconografias e mapas disponíveis e aqueles que vierem a ser produzidos, atendam ao dispositivo de monitoramento, avaliação e transparência da gestão municipal.

“A equipe trabalhou muito para, em pouco tempo, produzir esse material que trará para a gestão pública um diagnóstico correto de toda aplicação dos recursos. Nosso direcionamento tem como premissa oferecer transparência e, principalmente, eficiência conforme o prefeito Bernardo Rossi sempre preconiza”, disse Roberto Rizzo.

O último tema debatido foi à apreciação dos Projetos de Lei Complementares, não concluídos durante a gestão passada, que voltam à pauta das discussões do conselho. Os projetos complementares começam a ser resgatados e atualizados.



Voltar




Casando com Estilo




Topo