Edição: sábado, 10/03/2018
Compartilhe:

  Cidade

Prefeitura segue com trabalho de limpeza e desobstrução de ruas na Posse


 Cerca de 80 homens da prefeitura seguem com o serviço de limpeza e desobstrução das vias afetadas pela chuva da madrugada de quinta-feira (08.03) na Posse. A Estrada Silveira da Motta e a Rua Noêmia Alves Rattes já foram liberadas para o trânsito, que está em meia pista na Estrada do Brejal. A região do Ingá e do Mata Cavalo também já restabeleceu a passagem de veículos. O prefeito Bernardo Rossi decretou luto de três dias pelas vítimas das chuvas da Posse e do Caxambu.  

Desde as primeiras horas da manhã o prefeito Bernardo Rossi acompanhou o trabalho nesta sexta (09.03) e visitou a localidade Nossa Senhora de Fátima, conhecida como Morro do Querosene, junto com as equipes da Secretaria de Assistência Social e Defesa Civil. São 24 famílias que precisaram deixar suas casas e 27 ocorrências registradas na DC, em consequência das chuvas no distrito.

 

O trabalho nesta sexta-feira (09.03) envolveu três retroescavadeiras, duas pás mecânicas e sete caminhões. A região central, a localidade Boa Vista e o posto de saúde da Posse receberam lavagem nesta sexta com caminhões-pipa da Comdep com água não potável. Só na quinta, foram removidas 250 toneladas de lama – contando com outras regiões que ainda têm limpeza na cidade, já foram removidas mais de 1,3 mil toneladas de lama desde sábado (03.03).

 

"As equipes da Assistência Social e da Defesa Civil permanecem no Morro da Querosene para atender a demanda dos moradores. É fundamental o cadastro da população e o registro das ocorrências. Apenas ontem, a Defesa Civil realizou outros 69 atendimentos além dos que já haviam sido realizados", explica o prefeito.

A Rua Nossa Senhora de Fátima permanece sem acesso por causa do risco de novos deslizamentos. São 11 casas interditadas na região pela Defesa Civil. Morador da localidade, Carlos do Nascimento Belo Júnior disse que existe uma grande preocupação com a possibilidade de mais chuva.

"Estamos com medo de que novos deslizamentos aconteçam, já que deve chover mais. Mas desde o dia da chuva, a prefeitura está presente com a Defesa Civil e a Assistência ajudando os moradores”, comentou.

Também segue interditada a Estrada União e Indústria, na altura da Jacuba, onde houve dois rolamentos de blocos rochosos. Técnicos do DER estiveram no trecho nesta sexta-feira (09.03) e voltarão neste sábado (10.03) para estudar a melhor maneira para fazer a remoção da pedra com segurança para os moradores próximos. A Defesa Civil solicitou também a presença do DRM-RJ para avaliar o risco de outras pedras rolarem neste trecho.

A Águas do Imperador fez o reparo em parte da Estação de Tratamento de Água do Taquaril, que foi danificada por queda de barreira na quinta. Cerca de 20 pessoas trabalharam no local. Com isso, regiões mais baixas já voltaram a ser atendidas pelo sistema da Posse às 13h. Outras mais altas e mais distantes seguem tendo fornecimento pelo sistema de Pedro do Rio. Posto de saúde, escolas e outros locais seguem sendo abastecidos com caminhões-pipa disponibilizados pela concessionária.

Ônibus operam pela BR-040

Nove ônibus estão operando entre a Posse e o Terminal de Itaipava. A linha 711 está desde o início da tarde desta quinta-feira (08.03) fazendo o itinerário passando por Areal. Agora, a linha já consegue ir cerca de quatro quilômetros a mais, passando da região central da Posse até a altura da Escola Beatriz Zaleski e retornando fazendo o itinerário com destino ao Terminal, também passando pela BR-040.

A linha 712 (Rio Bonito) já foi restabelecida. As linhas 728 (Jurity) também voltou a operar, parando a cerca de 2Km do ponto final e a linha 729 (Albertos) segue até a altura da Escola Municipal Arnaldo Dyckerhoff, de onde retorna.

 

 



Compartilhe:


Casando com Estilo



Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior