Edição: terça-feira, 06/02/2018
Compartilhe:

  Trânsito

Violência no trânsito

Primeiro mês do ano registrou 132 acidentes com vítimas

O número de atropelamentos segue em alta dentre os atendidos no local

Yuri Lima especial para o Diário

 

Apenas em janeiro deste ano a Sala de Trauma do Hospital Santa Teresa, único hospital da cidade equipado para receber vítimas de trânsito, já atendeu 132 pessoas. A maior parte dos acidentes foi causada por carros, um total de 36 vítimas (27,2% dos casos). Porém, o número de ocorrências relacionadas a motocicletas quase empata, atingindo 35 (26,5%).

Os vitimados por atropelamentos teve novo crescimento, foram 10 no último mês. Em outubro do ano passado foram quatro, sete em novembro e nove em dezembro. O número também é maior em comparação com o último ano, em janeiro de 2017 foram 9.

Ainda relacionando os números com janeiro de 2017, a quantidade de vítimas atendidas também aumentou. No último ano, o total era de 115 pessoas. No período, a maior parte dos acidentes foi causada por motos, 45 pessoas (39,1%), seguido por carros, 37 atendidos (32,1%).

Os dados deste mês também informam outros atendimentos, como quedas, queimaduras e agressões. É válido destacar que houve uma vítima de arma de fogo neste ano e 33 pessoas por queda (25%). A maior parte dos atendimentos foi pelo Sistema Único de Saúde (SUS), chegando a 106 pessoas (80,3% do total). Em relação à providência, a maioria dos pacientes foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros, totalizando 87 pessoas.

 

 

 



Compartilhe:



Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior