Edição anterior (1366):
terça-feira, 07 de agosto de 2018
Ed. 1366:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1366): terça-feira, 07 de agosto de 2018

Ed.1366:

Compartilhe:

Voltar:


  Chuvas

Programa SOS Chuvas abre inscrições para estagiários

Uma reunião do corpo técnico da Secretária de Defesa Civil e Ações Voluntárias, com representantes da Secretaria de Obras e Meio Ambiente, definiu a abertura de novas vagas para estagiários nesse semestre, para o programa SOS Chuvas, em parceria com as Universidades Católica de Petrópolis e Estácio de Sá. O encontro aconteceu nesta segunda-feira (06.08) na sede da Secretária de Defesa Civil e Ações Voluntárias.

O número de vagas será definido pelas coordenações das instituições de ensino, que encaminharão para a secretaria os estudantes que se candidatarem. As oportunidades são para alunos de Arquitetura e Engenharia, que serão divididos igualmente entre cada órgão municipal.

 “É importante trazer os estagiários para as ações. Precisamos aumentar o nosso nicho no trabalho de prevenção. O foco é a não expansão das áreas de risco no município. O programa SOS Chuvas trabalha justamente com a fiscalização, mobilização e conscientização comunitária”, pontuou o Secretário de Defesa Civil, coronel Paulo Renato Vaz articulador do projeto. 


O programa SOS Chuvas foi desenvolvido em 2017, pelo prefeito Bernardo Rossi, com o objetivo do trabalho em conjunto das secretarias, impeçam o avanço das ocupações e construções irregulares na cidade, e reduzam os danos humanos, materiais e ambientais, além dos prejuízos socioeconômicos causados pelas chuvas de verão. 


As ações do programa são direcionadas para os trabalhos de articulação e mobilização comunitária, com distribuição de panfletos informativos; fiscalização e controle da ocupação desordenada e fiscalização de proteção ambiental. Cada Secretaria vai utilizar os universitários dentro da sua atribuição.

 “A ideia do SOS Chuvas é que ele contribua para a criação de uma cultura preventiva e de resiliência no município. Os estagiários vão a campo com as ações, sempre com o acompanhamento de um técnico, para orientar os moradores sobre construções seguras, acondicionamento correto do lixo e colhendo informações da comunidade, para auxiliar o poder público nas fiscalizações”, disse o secretário.



Edição anterior (1366):
terça-feira, 07 de agosto de 2018
Ed. 1366:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1366): terça-feira, 07 de agosto de 2018

Ed.1366:

Compartilhe:

Voltar:

Casando com Estilo








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior