Edição: sábado, 09/06/2018
Compartilhe:

  Geral

Terreno no Quarteirão Brasileiro pode ser invadido hoje

Vitor Garcia 

As possíveis invasões em terrenos no bairro Quarteirão Brasileiro podem se concretizar neste sábado (8). Mais de dez famílias estão aguardando a resposta do município, após o pedido de apropriação da área, localizada no final da Rua Gaspar Gonçalves, ao lado de uma quadra esportiva. Além do espaço, que seria da prefeitura, a creche desativada da Rua Atílio Marotti foi ocupada por cinco famílias durante a semana.

Podendo ocorrer na manhã de hoje, por volta das 10h, uma moradora do bairro e integrante do movimento solicitou uma reunião com representantes do município, pedindo uma solução para o caso.

- O movimento começou com a intenção de ajudar as pessoas necessitadas, que estão morando de favor e não tem condições de pagar por um aluguel. A gente soube que amanhã virá uma assistente social. Caso nada seja resolvido, todos vão invadir, dividir o terreno e construir – disse Sônia Regina Salomão.

Um grupo de mais ou menos 10 pessoas que estava no local ontem, disse que o terreno está abandonado pela Prefeitura há mais de 30 anos.

- Todos que estão aqui pedindo esse pedaço de terra para recomeçar a vida são moradores do bairro. Nós queremos que o município faça um loteamento do terreno e divida entre as famílias – disse.

De acordo com o grupo, 12 famílias estão fazendo as reivindicações.

- Quando a prefeitura ficou sabendo da invasão, mandou a Comdep limpar o local. Muitos estão preocupados da invasão do local, que seria um espaço destinado a construção de uma creche. Porém, esse projeto que existia era na parte de cima do terreno, e não no local onde essas pessoas estão. Estamos lutando pela parte de baixo do local, que não possui nenhum projeto até o momento.

O grupo informou que protocolou um documento na prefeitura informando sobre a invasão.

 



Compartilhe:

Casando com Estilo



Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior