Edição anterior (1425):
sexta-feira, 05 de outubro de 2018
Ed. 1425:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1425): sexta-feira, 05 de outubro de 2018

Ed.1425:

Compartilhe:

Voltar:


  Automóveis

Usar o óleo certo evita problemas com motor do seu carro

Troca regular e produto recomendado pelo fabricante pode prolongar a vida útil do motor do seu veículo


 O óleo lubrificante certo extrai o melhor do motor do carro já que, ao utilizar o óleo lubrificante recomendado pela montadora o motorista assegura o desempenho do motor. Durante o desenvolvimento de um novo veículo, a parte mecânica do motor é elaborada e testada, inclusive especificando o óleo lubrificante que vai assegurar a performance projetada para o veículo. Sabendo disso, não há motivos para escolher um óleo lubrificante diferente.

E a Campneus segue essa recomendação e orienta seus clientes durante a troca de óleo a usar o tipo indicado pela montadora. “O tipo de óleo deve sempre seguir o recomendado pelo fabricante, indicado no manual do veículo. Usar o óleo errado pode danificar o motor e diminuir a vida útil. Porém, se você usa o óleo certo, é garantia de vida útil longa e de evitar problemas com o motor do seu carro”, orienta Fabio Facca gerente nacional de Operações de Varejo da Campneus.

Facca explica que existem diferentes tipos de óleo, com capacidades específicas de lubrificação e viscosidade: sintético, semissintético e mineral. “O sintético é mais puro, mais resistente às altas temperaturas, de qualidade melhor e dura 10 mil quilômetros ou um ano. Já o semissintético é menos resistente, é de boa qualidade e dura também 10 mil quilômetros ou um ano. E o óleo mineral é usado somente na frota mais antiga, é um óleo mais fino e tem durabilidade de 5 mil quilômetros ou 6 meses”, aponta.

O tipo de óleo lubrificante e o grau de viscosidade recomendados pela montadora asseguram proteção e desempenho ao motor. A especificação e qualidade do óleo lubrificante refletem na durabilidade das peças do motor, reduzem a emissão de gases poluentes e promovem a economia de combustível.

“Essa é a importância de utilizar o óleo lubrificante indicado, sem esquecer de trocar também o filtro do óleo, a cada troca do lubrificante. Este cuidado serve para não contaminar outros componentes com óleo antigo e a qualidade do novo óleo” ressalta Facca.

Dessa forma, o motor poderá rodar plenamente e render por muito mais tempo. Seguindo as indicações dofabricante, você tem certeza que o seu veículo está funcionando da melhor forma possível.

 

 



Edição anterior (1425):
sexta-feira, 05 de outubro de 2018
Ed. 1425:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1425): sexta-feira, 05 de outubro de 2018

Ed.1425:

Compartilhe:

Voltar:

Casando com Estilo








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior