Edição anterior (1306):
sexta-feira, 08 de junho de 2018
Ed. 1306:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1306): sexta-feira, 08 de junho de 2018

Ed.1306:

Compartilhe:

Voltar:


  Cidade

Usuários de ônibus ganham reforço em 45 linhas 

Primeiro dia de operação com quatro ônibus extras foi elogiado pela população

             O primeiro dia de ônibus de reforço a frota da Cidade Real foi bem recebido pelos usuários das 45 linhas que englobam a operação. A ação, em caráter experimental, visa verificar se a colocação de ônibus extras em horários de pico, entre 16h e 19h, beneficia o transporte de passageiros com a diminuição no tempo de viagens. Os testes deverão ser feitos durante duas semanas e, em caso de melhoria confirmada, serão mantidos em definitivo.

            “Ter ônibus reforçando as linhas é uma maneira de garantir um serviço de qualidade ao usuário. A Cidade Real já adquiriu 10 novos veículos este ano e a renovação da frota é outra iniciativa que beneficia a população, com ônibus de qualidade e novos rodando na cidade”, destaca o prefeito Bernardo Rossi.

            A operação iniciada nesta quinta-feira (07.06), conta com cinco veículos extras reforçando a frota durante três horas, sendo três ônibus urbanos e um executivo. A operação, no entanto, não tem horário fixo definido, ou seja, por meio dos GPS das linhas e de comunicação com os fiscais da empresa, as equipes da Cidade Real e da CPTrans verificam o tempo médio que o veículo deve chegar até seus destinos e direcionam os veículos para atender linhas com potencial atraso, garantindo aos passageiros menos tempo de espera nas filas.

            “Esses veículos funcionam para reforçar a operação quando for detectado alguma alteração. A equipe da CPTrans manterá contato direto com a Cidade Real para verificar onde a inserção dos ônibus extras são fundamentais. Após a fase de testes as equipes irão se reunir para analisar os dados e, se nossa expectativa for alcançada, esse tipo de operação será continuado”, explica o diretor-presidente da CPTrans, Jairo Cunha.

            Os cinco ônibus utilizados para a operação são veículos extras que operam nas linhas 190 (Corredor Duarte da Silveira) e executivo 10 (Terminal Bingen), que ao invés de serem recolhidos às garagens após cumprir suas demandas, serão direcionadas para as operações extras.

            Para quem utiliza as linhas em horário de pico, ter ônibus extras reforçando a demanda, promete diminuir o tempo de espera em filas. Este é o caso da secretária Daniele Silveira, de 28 anos, moradora do Bingen. Para ela, essa ideia vai favorecer muito os usuários. “Em sempre pego a linha 100, que embora tenha ônibus saindo com frequência, acaba que em alguns momentos fica um vácuo muito grande. Acredito que tendo um ônibus direcionado exatamente para atender esses períodos entre um horário e outro, a qualidade no transporte irá aumentar significativamente”, elogia.

            Para o ambulante Nelson da Fonseca Moraes, 49 anos, essa medida é vista com bons olhos. “Eu uso muito o ônibus e esperar nas filas os veículos atrasados realmente é o que mais incomoda. Acredito que essa ideia é uma alternativa que pode ajudar muito a gente. Estou torcendo para que os resultados sejam positivos”, elogiou ele, que mora no Duarte da Silveira.

            O gestor da Cidade Real, Miguel Angelo Vianna, explica que a intenção é justamente melhorar a qualidade do serviço prestado, oportunizando maior frequência e mais rapidez na oferta de ônibus. “Nosso objetivo é atender de maneira cada mais eficiente o nosso usuário e sabemos que a prestação de qualidade é essencial para isso”, destaca.

           

           



Edição anterior (1306):
sexta-feira, 08 de junho de 2018
Ed. 1306:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1306): sexta-feira, 08 de junho de 2018

Ed.1306:

Compartilhe:

Voltar:


Casando com Estilo








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior