Edição anterior (1275):
terça-feira, 08 de maio de 2018
Ed. 1275:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1275): terça-feira, 08 de maio de 2018

Ed.1275:

Compartilhe:

Voltar:


  Geral

Vila Isabel lança oficialmente Petrópolis como enredo do desfile de 2019

Desfile não conta com aporte do dinheiro público do município

 

"Em nome do pai, do filho e dos santos, a vila canta a cidade de Pedro". Lançado oficialmente com evento domingo (06.), em sua quadra, este é o samba-enredo da escola Vila Isabel para o Carnaval de 2019, que tem como tema a cidade de Petrópolis. Sem aporte do dinheiro público do município, com desfile patrocinado pela iniciativa privada, uma das escolas de samba mais tradicionais do Rio vai promover o encontro da Vila Isabel com o período do Império, usando a história de Petrópolis. A realeza ainda vai dividir espaço com a religiosidade, já que o enredo vai falar dos três pedros: D. Pedro I, D. Pedro II e São Pedro de Alcântara, padroeiro do município. Com a quadra lotada, em Vila Isabel, os componentes da escola aprovaram o tema.

 

            O evento abriu o calendário de eventos da escola e contou com a presença do prefeito Bernardo Rossi. “É uma honra para Petrópolis ser homenageada dessa forma. Estamos muito felizes com a escolha do enredo. Ainda mais um enredo da Vila Isabel, essa escola tão especial, que tem tudo a ver com Petrópolis. Eles vão apresentar a cidade para o mundo, no maior Carnaval do planeta. E o município só tem a ganhar, as pessoas vão querer correr para a Serra para ver de perto nossas belezas. E o melhor, o desfile não vai custar nada aos cofres públicos do município”, frisa.

            Os detalhes sobre o que o público vai ver na Sapucaí no ano que vem ainda não foram divulgados, mas a imagem com o tema do samba-enredo revela não só São Pedro de Alcântara e D. Pedro, como a princesa Isabel. O carnavalesco Edson Pereira explicou que a escola vai fazer o máximo para que o petropolitano se reconheça e reconheça a sua história na avenida diante do desfile, que também será um resgate da essência da escola.

            “Pro momento que a Vila Isabel vive hoje, nós precisávamos de um enredo que tivesse a essência da escola. Então estamos fazendo isso como se fosse o encontro da Vila Isabel com o Império, e esse Império se encontra em Petrópolis. E a gente está fazendo tudo isso com muito carinho, não só com essa coisa imperial, como com a religiosidade, que é uma coisa muito forte, singular entre os dois temas. Estou tirando proveito de tudo isso e colocando a cidade de Pedro em evidência”, afirma o carnavalesco.

A meta da escola, segundo o presidente, Fernando Fernandes, é interagir com Petrópolis. “Vamos traçar ações conjuntas para levar à cidade ensaios e apresentações”.  

            A festa de lançamento contou com apresentações dos grupos Deita e Rola, Clareou, além de participações das escolas campeãs deste ano Beija-flor, do Grupo Especial, e Viradouro, do Grupo de Acesso, que foram homenageadas pela Vila Isabel. Além, claro, da apresentação da bateria da escola, mostrando uma prévia da animação para o próximo Carnaval.

Turismo ganha com enredo

            Os desfiles do Carnaval do Rio são acompanhados por quase 500 mil pessoas, além da transmissão ao vivo para todos os estados do Brasil e mais de 100 países. A festa tem uma movimentação de R$ 3 bilhões apenas na capital, que chega a receber 1 milhão de turistas. A poucos quilômetros de distância do Rio, essa é uma oportunidade de Petrópolis pegar uma carona no sucesso do maior Carnaval de todo o planeta. A escolha do samba-enredo deverá alavancar o turismo na cidade e dar visibilidade ao município, com uma mídia espontânea, sem qualquer gasto aos cofres públicos.

            “No Carnaval, todos os olhos estão voltados pro Rio, pra Sapucaí. Poder mostrar a cidade para tantas pessoas, não só daqui, como de todo mundo, vai trazer uma visibilidade enorme para o município.Vamos conseguir levar nossa cultura e nossas belezas para o mundo, sem nenhum gasto ao município. Nossa economia vai colher os frutos a curto prazo. As pessoas vão querer conhecer a cidade, ver de perto essa história que será contada na avenida”, explicou o secretário da Turispetro, Marcelo Valente.

            Já para o diretor-presidente do Instituto Municipal de Cultura e Esportes, Leonardo Randolfo, essa será, também, uma grande oportunidade de mostrarmos a cultura e a história de Petrópolis. “Estaremos no maior show da terra. E vamos mostrar nossa história, as pessoas vão conhecer melhor nossa cultura. A escola tem tudo a ver com Petrópolis, com os símbolos marcantes da cidade, presentes também na história da Vila”, disse.

            O lançamento também contou com a presença do vice-prefeito Baninho, da secretária de Fazenda, Elaine Nascimento, o secretário de Administração e Recursos Humanos, Marcus von Seehausen, do superintendente de Esportes e Lazer, Hingo Hammes, do presidente da CPTrans, Maurinho Branco, entre outros.



Edição anterior (1275):
terça-feira, 08 de maio de 2018
Ed. 1275:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1275): terça-feira, 08 de maio de 2018

Ed.1275:

Compartilhe:

Voltar:


Casando com Estilo








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior