Edição anterior (2403):
quarta-feira, 09 de junho de 2021
Ed. 2403:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2403): quarta-feira, 09 de junho de 2021

Ed.2403:

Compartilhe:

Voltar:


  Cidade

Coronel Comandante dos Bombeiros vai reiniciar as obras  Academia de Formação da corporação em Petrópolis
Obras para a instalação são indicadas durante evento no Rio.

 

 

O evento de entrega de 80 picapes 4x4 realizado, nesta segunda-feira, pelo Governo do Estado para os quartéis do Rio trouxe uma novidade a respeito da Academia de Formação dos Bombeiros em Petrópolis. O espaço localizado no antigo prédio dos Correios, na Fazenda Inglesa, às margens da BR-040, foi comprado pelo governo em 2013 e teve suas obras paralisadas por conta da crise econômica vivida pelo estado. Durante o evento, o secretário de Estado de Defesa Civil e Comandante-Geral da corporação, Leandro Monteiro, reforçou o aval do governador, Cláudio Castro, para a retomada das obras no local. A vinda da Academia para Petrópolis beneficia toda a região com um efetivo maior de profissionais nas ações do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil.

Bernardo Rossi, subsecretário de Estado das Cidades, vê a retomada como um fator positivo para a região e para a corporação. "Todos seremos beneficiados com a vinda da academia para Petrópolis, a população ganha com o aumento dos profissionais aqui, o que causará uma diminuição do tempo das operações e melhora no atendimento em períodos críticos. Já os aspirantes a Bombeiros ganham por poder realizar treinamentos e ações em ambientes estratégicos e também com um centro de treinamento mais avançado, diferente do atual", reforça.

Em 2013, o espaço de mais de 20 mil m² (sendo 4 mil m² de área construída), que conta com 60 quartos foi comprado pelo governo do estado após diversas indicações do então deputado estadual, Bernardo Rossi, devido à demanda que a região possui por conta das chuvas e diversas áreas de risco, bem como a necessidade do treinamento especial para os bombeiros para as condições.

As obras iniciadas em 2013 propõem que o espaço seja transformado em um complexo para as aulas teóricas e preparação física para combates a incêndios e resgates, formando todo o quadro de oficiais do Corpo de Bombeiros – todo ano, 50 aspirantes a oficial são formados na Academia. A intenção é ampliar a capacidade de formação de cadetes e garantir um ensino de excelência.

"Luto para a vinda da Academia para Petrópolis há anos, essa notícia da retomada das obras no complexo mostra o trabalho que está sendo desenvolvido de olhar para as cidades do interior e suas necessidades. Felizmente o compromisso foi reforçado hoje e logo as obras serão retornadas", conta Bernardo.

Atualmente, a Academia está localizada no Complexo de Ensino Coronel Sarmento, em Guadalupe, na zona norte do Rio.



Edição anterior (2403):
quarta-feira, 09 de junho de 2021
Ed. 2403:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2403): quarta-feira, 09 de junho de 2021

Ed.2403:

Compartilhe:

Voltar: