Edição anterior (2336):
sábado, 03 de abril de 2021
Ed. 2336:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2336): sábado, 03 de abril de 2021

Ed.2336:

Compartilhe:

Voltar:


  Política
 

Daniel Silveira pode tentar se eleger prefeito de Petrópolis para evitar cassação

Na manhã dessa sexta-feira (02), o “O Globo” revelou uma articulação que pode movimentar o cenário político em Petrópolis. Comandada pelo presidente da Câmara Municipal, Hingo Hammes (DEM), já que o candidato mais votado à prefeitura em 2020, Rubens Bomtempo (PSB), não conseguiu assumir o cargo após ter o registro de candidatura indeferido, a cidade pode ganhar um novo nome nas eleições suplementares: Daniel Silveira.

Segundo revelou o jornal, a ideia de Silveira “é que as eleições suplementares deverão ser marcadas pela Justiça Eleitoral ainda em 2021. E que, até lá, ele já estará solto, e o processo no Conselho de Ética ainda não terá sido concluído. Caso saia vitorioso do pleito municipal e se eleja prefeito, ele avalia que se livraria da dor de cabeça relacionada à perda do mandato de parlamentar”.

O deputado segue em prisão domiciliar após ameaçar ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e defender o AI-5, durante uma transmissão ao vivo nas redes sociais. Após as ofensas à Corte, Silveira passou a responder a um processo no Conselho de Ética da Câmara cuja absolvição é dada como improvável.

Ainda de acordo com O Globo, Daniel espera contar com o apoio do presidente Jair Bolsonaro, que, porém, até agora não se manifestou sobre a polêmica que envolveu o deputado apoiador.



Edição anterior (2336):
sábado, 03 de abril de 2021
Ed. 2336:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2336): sábado, 03 de abril de 2021

Ed.2336:

Compartilhe:

Voltar: