Edição anterior (2408):
segunda-feira, 14 de junho de 2021
Ed. 2408:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2408): segunda-feira, 14 de junho de 2021

Ed.2408:

Compartilhe:

Voltar:


  Polícia

Igreja Luterana na Av. Ipiranga é invadida e vitral histórico é quebrado

Roberta Müller – especial para o Diário

              

 

 A Igreja Luterana, um dos mais antigos templos religiosos de Petrópolis, foi invadida no fim de semana. O prédio de quase 160 anos, que fica na Avenida Ipiranga, no Centro, teve o vitral histórico – de 1940 - e vidros de expositores internos quebrados, além de uma mesa de som furtada. Membros da instituição acreditam que o criminoso tenha invadido o lugar entre sexta-feira (11) e a manhã deste domingo (13), quando após cerca de cinco meses a igreja voltou a realizar o culto presencial. O prejuízo pode ser de até R$ 18 mil só com a recuperação do vitral.

               De acordo com a coordenadora do projeto “Portas Abertas” da igreja, Elisabeth Graebner, a suspeita é de que o um dos vidros do vitral tenha sido retirado para facilitar a entrada do invasor. “Retiraram um dos vidros do vitral por inteiro e invadiram a igreja. Foram direto ao museu, de onde tiraram e mexeram em alguns objetos que são de estimação para a história da igreja. Também tentaram arrombar as vitrines onde estão os documentos, sem sucesso, mas deixaram marcas do estrago. Empenharam as molduras e quebraram os vidros das vitrines também”, explica.

Após descobrirem a invasão, membros da igreja retornaram ao local com uma restauradora para avaliar a situação e ela encontrou o vitral em pedaços, jogado em um canteiro ao lado da instituição. “O prejuízo ficou por conta do restauro do vitral, dos vidros dos expositores internos e no final foi constatado o furto de uma mesa se som”, completa ela.

Os vitrais da Igreja Luterana são de 1940, pintados sobre vidros especiais. Cada vitral tem orçamento de recuperação entre 14 e 18 mil, inteiros, sem refazer vidros. Além disso, para vidros de vitrais só há uma fábrica que os fazem hoje, nos Estados Unidos. Segundo membros da igreja, o vitral quebrado na invasão já tinha um pedaço de "remendo", com vidro martelado comum, sem o restauro da pintura, fruto de outro arrombamento há mais de 15 anos.

               O caso está sendo apurado pela polícia.

               A Igreja Luterana teve sua pedra fundamental lançada em 1862 e o templo iniciado no ano seguinte. O prédio era apenas uma casa, com a escultura de um cálice e pães na parede externa. Mas em 1903, revogada a lei que impedia templos não católicos de terem características de “igreja”, a torre foi construída e foram colocados os elementos decorativos neogóticos: arcos ogivais e gárgulas. Na torre se encontram o relógio mecânico e os sinos de bronze originais. A igreja também é um importante ponto turístico de Petrópolis, que faz parte da história da cidade e da cultura germânica no município.



Edição anterior (2408):
segunda-feira, 14 de junho de 2021
Ed. 2408:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2408): segunda-feira, 14 de junho de 2021

Ed.2408:

Compartilhe:

Voltar: