Edição anterior (2338):
segunda-feira, 05 de abril de 2021
Ed. 2338:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2338): segunda-feira, 05 de abril de 2021

Ed.2338:

Compartilhe:

Voltar:


  Cidade

Operação Choque de Ordem percorreu bairros do primeiro ao quinto distrito entre a noite de sexta-feira e madrugada de sábado

Um bar foi multado e outro teve que fechar as portas após serem flagrados pelas equipes noturnas de fiscalização da Prefeitura que atuam junto com as forças de segurança, infringindo os decretos municipais em vigor desde o dia 29 de março. Um dos estabelecimentos fica no Samambaia. Estava aberto e permitindo que clientes consumissem no local.

Além do Centro, entre a noite de sexta-feira e madrugada de sábado, as equipes percorreram bairros entre o primeiro e o quinto distrito. Porém, locais conhecidos como principais pontos de aglomeração, como Rua Treze de Maio e praças Princesa Isabel e da Liberdade, estavam vazios, conta a secretaria de Serviços, Segurança e Ordem Pública, Karina Bronzo.

As operações de fiscalização pelo cumprimento das medidas restritivas decretadas na última segunda-feira, tem sido intensificadas pelas equipes da Prefeitura e forças de segurança. No feriado de Sexta-feira Santa (02), por exemplo, três  estabelecimentos foram intimados a fechar as portas. Um deles acabou sendo interditado.

O estabelecimento interditado foi uma loja de departamentos, no Centro. O mesmo já tinha sido multado na terça-feira em R$ 2 mil. Entre segunda-feira (29) e quinta-feira (1º), 70 comerciantes já tinham sido intimados e 30 multados, em toda a cidade.

Ainda no feriado de Sexta-feira Santa, as barreiras sanitárias impediram a entrada de 93 carros provenientes de outros municípios. Porém, desde o dia 23 de março, quando as ações foram intensificadas nos acessos ao município, quase mil veículos tiveram que retornar aos municípios de origem.

O objetivo das ações é diminuir a circulação de pessoas na cidade e, consequentemente, reduzir a taxa de contágio do coronavírus.

O controle de acesso ao município acontece de forma fixa em quatro pontos Quitandinha, Bingen, Alto da Serra e Bonsucesso. Além dessas, uma acontece de forma volante.

Além dos órgãos da Prefeitura,  como a SSOP, Secretaria de Meio Ambiente, CPTrans, Vigilância Sanitária, Guarda Civil, Defesa Civil e Coordenadoria Especial de Relações Institucionais, o Inea - Instituto Estadual do Ambiente, a Polícia Militar e a Polícia Rodoviária Federal, apoiaram as operações de fiscalização.

As medidas restritivas foram necessárias para tentar conter os casos de covid-19 na cidade. Até a noite de quinta-feira (1º), Petrópolis registrava a morte de 700 pessoas. A ocupação de leitos clínicos pelo SUS é de 93,13% em leitos clínicos e 97,37% em leitos de UTI. É possível acompanhar detalhes sobre os casos no portal da transparência do coronavírus, no site da prefeitura (www.petropolis.rj.gov.br).

Prefeitura recorre de decisão judicial que autorizou reabertura da lojas americanas

A Prefeitura de Petrópolis informa que a Lojas Americanas está funcionando desde sexta-feira (2) com liminar judicial, que autorizou sua abertura. A Procuradoria Geral do Município já está entrando com agravo, apontando os problemas relacionados à aglomeração. A Prefeitura reitera o pedido para que a população cumpra os decretos municipais e ajude a desacelerar a taxa de transmissão da covid-19. É importante frisar que Petrópolis, assim como os demais municípios do Estado, vive neste momento o pior momento da pandemia, sendo indispensável que cada um faça sua parte, evitando ao máximo sair de casa, usando máscaras e mantendo as mãos sempre limpas.



Edição anterior (2338):
segunda-feira, 05 de abril de 2021
Ed. 2338:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2338): segunda-feira, 05 de abril de 2021

Ed.2338:

Compartilhe:

Voltar: